sábado, 21 de fevereiro de 2009

Tortura auto-infligida.

Por que as vezes meu cérebro se fixa em certos pensamentos contra minha vontade?
Como se tivesse uma arma apontada para mim, me ordenando o que fazer.
Só sem arma, e sem o que fazer.
Só a cabeça pensando e pensando sem parar em alguma(s) coisa(s) que eu não quero pensar.
Custa pensar no que eu quero? Em qualquer outra coisa? Ou ainda, o mais irrealista, não pensar em nada?
Eu precisava dum botão de liga/desliga pros meus pensamentos... eles estão me cansado já.




Postado por Ricardo Ceratti.